Tag Archives: 12 Years a Slave

12 Anos de Escravidão

12 Anos de Escravidão

A grande imagem de 12 Anos de Escravidão é a imagem em que Solomon Nothrup está pendurado a uma árvore e precisa se equilibrar nas pontas dos pés para se manter vivo. Ao espectador, é reservado o direito de sofrer com a angústia do protagonista, ouvindo os sons de seus gemidos e de seus dedos tentando buscar terra firme na lama. Esse momento, que acontece no meio de uma das sequências mais fortes do filme, entre a cena em que Solomon é chicoteado por um capataz ofendido e aquela em que ele é resgatado de seu destino. Não é uma imagem-chave, mas talvez seja a única em que Steve McQueen realmente se dedica a encontrar uma solução fora dos lugares comuns que predominam em seu longa.

É realmente notável, numa América de cineastas negros tão importantes, com Spike Lee como primeiro nome a ser lembrado, que tenha sido necessário que um diretor inglês tenha feito, tantos anos depois, o filme mais importante sobre a escravidão nos Estados Unidos, como tem sido saudado, e com motivos, o filme de McQueen. Na história do cinema americano, poucos filmes importantes adotaram o tema como questão central. Corrigindo: poucos filme abordaram o tema. Sejam filmes importantes, seja como assunto principal. Raízes, minissérie para a TV, parece ser a que chegou mais longe, mas sem muito requinte. O que dizer de um “gênero”, onde os maiores destaques são Amistad, Mandingo, Bem Amada e – por que não? – Django Livre.

O filme de Steve McQueen vem preencher uma lacuna inexplicável na história do cinema americano. Uma lacuna que o inglês preencheu com britânicos. Chiwetel Ejiofor e Michael Fassbender, principal colaborador do cineasta, são ingleses interpretando estadunidenses. Demérito algum para eles, vergonha talvez só para a América. A questão é que, sendo um filme sério, bem realizado em todos os aspectos, com um elenco acima da média, o trabalho de McQueen ganhou uma relevância maior do que o longa realmente merece. Para um realizador de carreira curta, apenas dois longas, mas que parecia comprometido com temas ousados, para o bem ou para o mal, 12 Anos de Escravidão parece a reciclagem de uma fórmula de drama de superação.

McQueen pareceu se enquadrar a um modelo de filme dramático feito há décadas em Hollywood. Com competência, mas com pouca personalidade. Não há qualquer ousadia na escolha dos enquadramentos, na montagem ou na direção de atores. Todos, por sinal, parecem domesticados, principalmente o protagonista Chiwetel Ejiofor, cuja interpretação “sofrida” parece conquistar muito mais pela história real de sua personagem do que por méritos próprios. Seus coadjuvantes seguem a tabela: Fassbender, o mais talentoso, tenta empregar um “estado de espírito” a seu fazendeiro, mas não encontra muito espaço para arriscar e se acomoda. Sarah Paulson, repetindo cacoetes de mulheres ricas, fortes e um tanto amorais, é mais bem sucedida, enquanto Lupita N’Yongo, estreante promissora, aposta na interpretação “força da natureza”, tem um ou duas boas cenas e para por aí.

Todos, inclusive o diretor, parecem ter se amedrontado diante do tema que resolveram trabalhar. Arriscar num assunto tão delicado poderia parecer uma afronta, então a diretriz principal foi apostar no feijão-com-arroz. Porque mesmo as comentadas cenas de violência do filme não assustam muito quem assistiu a qualquer folhetim televisivo brasileiro sobre a escravatura. Por sinal, nosso país abordou o tema com bem mais propriedade do que o cinema americano. As chicotadas nos personagens de 12 Anos de Escravidão só parecem mais dolorosas porque nunca foram vistas num cinema de estirpe de Hollywood. E o comodismo de McQueen em fazer um filme “à moda antiga” perde mais ainda quando entra em cena o produtor do longa, Brad Pitt, cujo papel é de uma obviedade impressionante. Inclusive nas conexões com o mercado. É o personagem de Pitt que encaminha Solomon Northup para seu destino final. Foi justamente o apoio de Pitt que fez possível o longa de McQueen.

12 Anos de Escravidão EstrelinhaEstrelinhaEstrelinha
[12 Years a Slave, Steve McQueen, 2013]

Compartilhe!

7 Comments

Filed under Resenha

Trailers: 15 filmes que podem concorrer ao Oscar 2014

Faltam pouco menos de quatro meses para sair a lista de indicados ao Oscar, mas a especulação corre solta ao longo do ano todo. Neste post, listo 15 filmes que têm grandes chances de comparecer à festa da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, segundo as bolsas de apostas. As minhas, por sinal, estão aqui. Dos filmes relacionados, apenas Rush – No Limite da Emoção já chegou ao Brasil. Alguns estreiam até o fim do ano e a maioria, para aproveitar a divulgação do Oscar, só chegam aos cinemas brasileiros em 2014. Junto a cada título, seguem as principais possibilidades de indicações dos filmes. Possibilidades de hoje. Porque, na corrida pelo Oscar, o jogo muda a cada dia.

Oscar 2014

12 Years a Slave, Steve Mc Queen

previsão de estreia: sem previsão
forte candidato em: filme, direção, ator (Chiwetel Ejiofor), ator coadjuvante (Michael Fassbender), roteiro adaptado, fotografia, montagem, direção de arte, figurinos, trilha sonora
tem chances em: mixagem de som

American Hustle, David O. Russell

previsão de estreia: sem previsão
forte candidato em: filme, direção, atriz coadjuvante (Jennifer Lawrence), roteiro original, montagem, figurinos
tem chances em: ator (Christian Bale), ator coadjuvante (Bradley Cooper), fotografia, direção de arte, mixagem de som

Blue Jasmine, Woody Allen

previsão de estreia: 11 de outubro
forte candidato em: atriz (Cate Blanchett), roteiro original
tem chances em: filme, direção

Capitão Phillips, Paul Greengrass

previsão de estreia: 20 de dezembro
forte candidato em: ator (Tom Hanks), roteiro adaptado, fotografia, montagem, mixagem de som
tem chances em: filme, direção, ator coadjuvante (Barkhad Abdi), edição de som

Dallas Buyers Club, Jean-Marc Vallée

previsão de estreia: sem previsão
forte candidato em: ator (Matthew McCounaghey), ator coadjuvante (Jared Leto)
tem chances em: filme, roteiro original

Fruitvale Station, Ryan Coogler

previsão de estreia: 31 de janeiro
forte candidato em: filme, atriz coadjuvante (Octavia Spencer)
tem chances em: ator (Michael B. Jordan), roteiro original

Gravidade, Alfonso Cuarón

previsão de estreia: 11 de outubro
forte candidato em: filme, direção, atriz (Sandra Bullock), roteiro original, fotografia, montagem, trilha sonora, mixagem de som, edição de som, efeitos visuais
tem chances em: direção de arte

Her, Spike Jonze

previsão de estreia: sem previsão
forte candidato em: roteiro original
tem chances em: ator (Joaquin Phoenix)

Inside Llewyn Davis, Joel Coen & Ethan Coen

previsão de estreia: sem previsão
forte candidato em: filme, ator coadjuvante (John Gooodman), roteiro original, canção, mixagem de som
tem chances em: fotografia, montagem, edição de som

The Monuments Men, George Clooney

previsão de estreia: 17 de janeiro
forte candidato em: fotografia, direção de arte, trilha sonora
tem chances em: filme, direção, montagem

O Mordomo da Casa Branca, Lee Daniels

previsão de estreia: sem previsão
forte candidato em: filme, atriz coadjuvante (Oprah Winfrey)
tem chances em: direção, ator (Forest Whitaker), roteiro adaptado, maquiagem

Philomena, Stephen Frears

previsão de estreia: sem previsão
forte candidato em: atriz (Judi Dench), roteiro adaptado
tem chances em: filme, direção

Rush – No Limite da Emoção, Ron Howard

estreou: 13 de setembro
forte candidato em: filme, direção, ator coadjuvante (Daniel Brühl), fotografia, montagem, maquiagem, mixagem de som, edição de som
tem chances em: roteiro original, direção de arte, figurinos, trilha sonora, efeitos visuais

Saving Mr. Banks, John Lee Hancock

previsão de estreia: 7 de fevereiro
forte candidato em: filme, atriz (Emma Thompson), ator coadjuvante (Tom Hanks), desenho e produção, figurinos, trilha sonora
tem chances em: direção, roteiro original, montagem

The Secret Life of Walter Mitty, Ben Stiller

previsão de estreia: 27 de dezembro
forte candidato em: maquiagem, efeitos visuais
tem chances em: filme, direção, roteiro adaptado, montagem, desenho de produção, trilha sonora

13 Comments

Filed under Trailer, Vídeos