Inverno da Alma

Inverno da Alma

Num ano em que boa parte dos filmes de destaque levam seus protagonistas para descidas sem escalas ao inferno, Inverno da Alma é aquele que se dá melhor. Debra Granik faz uma investigação dos acordos escusos que existem no coração da América e termina traçando um perfil da maldade presente no homem comum. Algumas vezes, a história do filme ganha semelhanças com as daquelas seitas secretas que promovem rituais macabros. A diretora faz questão de impregnar seu longa com esse clima de filme de terror. Passa do ponto em alguns momentos, como na sequência do barco, mas no geral consegue retratar bem o isolamento, as regras próprias e as conivências de comunidades fechadas. A quase estreante Jennifer Lawrence, no entanto, é seu maior acerto. A interpretação da garota impressiona por sua pouca experiência e pela complexidade de sua personagem. Ela sabe domar a tendência natural de seu papel ao overacting e humanizá-lo sem perder seu impacto. Talvez seja a melhor atriz na disputa do Oscar neste ano.

Inverno da Alma EstrelinhaEstrelinhaEstrelinha
[Winter's Bone, Debra Granik, 2010]

3 Comments

Filed under Resenha

3 Responses to Inverno da Alma

  1. Layo

    Acho que minha ordem final fica assim:

    01 – Toy Story 3
    02 – A Rede Social
    03 – Inverno da Alma
    04 – O Lutador
    05 – Cisne Negro
    06 – Bravura Indômita
    07 – O Discurso do Rei
    08 – 127 Horas
    09 – A Origem
    10 – Minhas mães e meu pai

    Apesar que os únicos grandes filmes são o 1º e o 2º. Do 3º ao 6º gostei meio que desgostando de uma coisa ou outra. O resto é resto (de bom a razoável).

  2. É um filme seco, econômico, que mantém nosso interesse até o final, justamente por conta da interpretação de Jennifer Lawrence. Sem ela talvez o filme fosse apenas regular ou até mesmo fraco.

  3. Matheus

    tem uma cena em inverno da alma que me deixou encucado: Ree e a amiga conversam na varanda, sobre a proposta do vizinho de cuidar de sonny.

    Sonny é filho dela com o vizinho???
    O menino não sabe de quê??

    Passei o resto do filme pensando nisso… rs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>